Início » Rio de Janeiro de Sol, Sal e praia

Rio de Janeiro de Sol, Sal e praia

por Michel Nicolay

RIO DE JANEIRO DE SOL, SAL E PRAIA

O mundo está mudando, cada um passando por processos diferentes, seja no trabalho ou na vida pessoal. Estamos buscando maneiras de sentir prazer em pequenas coisas, e isso tudo causado pelo vírus invisível da covid-19.

A Pandemia, nos possibilitou olhar para dentro, mas também sentir mais saudades de coisas que antes já fazíamos mas era tão rotineiro que não percebíamos a falta que fazia. Dentro dessas coisas um estudo feito pela FIOCRUZ mostrou que a grande maioria das pessoas querem buscar a natureza para “desestressar” de toda essa pandemia. E um dos lugares que estão no topo da lista é a PRAIA, isso mesmo querida por muitos, adorada por quase todos, acredito que até quem não curte praia, se sente bem ao caminhar pela orla mesmo que de forma breve. É, a praia tem esse poder de deixar nossa mente relaxada, acredito eu.

E por isso separei algumas praias do Rio de Janeiro que são incríveis e vocês não podem deixar de visitar quando forem à Cidade Maravilhosa. Lembrando que não é um “ranque”, das melhores praias, e sim uma lista das praias que indico para passar nem que seja rapidinho, tá bom? Vamos lá!

PRAIA DA JOATINGA

Uma das praias mais conhecidas pelos moradores da Barra da Tijuca ou o pessoal do surf e da altinha (aquele jogo onde não se pode deixar a bola cair que o carioca joga na beira da água), e é conhecida pelo apelido “Joá”. É uma praia pequena, mas que sempre tem um espacinho para mais alguém. Em seu entorno temos natureza, paredões de rocha lindos e algumas casas mais requintadas. Ela é frequentemente usada por pessoas mais jovens, casais, surfistas e a turma que quer bater uma bola. A praia não tem quiosques ou uma estrutura com muitas barracas, então prepare o seu bolso pra gastar um pouco a mais por uma água de coco ou o biscoito globo. Seu acesso pode ser feito por ônibus ou de carro, independente a forma, procure ir cedo, o sol já toca as areias às 08:00am e vai embora por volta das 14:00. Além disso é importante verifica a maré, a faixa de areia é pequena e o mar começa a subir mais a tarde, além de ficar bem cheio aos finais de semana.

PRAIA DE ITACOATIARA

Essa é a única praia da lista que não fica na cidade do Rio, mas fica na sua vizinha, Niterói, mais precisamente na região Oceânica. Uma praia também pequena, mas duas vezes o tamanho da praia do Joá. Ela Se diferencia de muitas praias por ter um clima extremamente agradável, visitada tanto pelo público jovem quanto por famílias e moradores da região, não raro você encontra um carioca por lá (carioca são os nascidos na cidade do Rio, ok?) A praia de “Itacoá” também tem uma vegetação maravilhosa ao seu redor e ainda conta com uma trilha para os mais aventureiros e assim poder ver a praia de cima (sério vale super a caminhada). Lá tem poucos quiosques e você também não vai ser tão incomodada com o excesso de ambulantes. Então relaxa e curte o dia por lá, até porque, bem pertinho dali você pode almoçar em algum restaurante bem ao estilo “comida leve e saudável”, aproveite e me conte como foi.

PRAIA DO ARPOADOR

Muito provavelmente você já ouviu falar dessa praia, que fica no cantinho esquerdo da praia de Ipanema, ela é bem famosa por ter um visual incrível e para quem curte ver o por do sol. Essa praia entra na lista exatamente por isso, ela tem um ânulo diferenciado da orla da zona sul, onde o Morro Dois Irmãos junto com a a favela do Vidigal ao fundo compões um cenário de filme! É sério, rende altas fotos, você ainda vai ter gente vende globo e mate sem ter que sair do seu lugar, cara e se você não conhecer essa praia, você não visitou o Rio, ok? Ah, não esquece de aplaudir o por do sol, é uma regra obrigatória para quem vai vistar no entardecer. Mas vale ir cedinho? Vale também a praia fica mais vazia até umas 09:00, provavelmente vai ter muito surfista que ainda esta aprendendo a pegar as primeiras ondas. Eu não te contei da pedra do Arpoador né? Bom, é impossível você não ver, então quando for lá, da um subida *com cuidado* nas pedras pra ter uma visão mais panorâmica e lá de cima também é possível ver quase toda a praia de Copacabana.

PRAIA DO PEPÊ

Essa é uma praia que particularmente gosto muito, mas quase não a frequento por falta de tempo mesmo. Sabe aqueles lugares que você acha que vai encontrar pessoas famosas? Então é exatamente aqui. Mas não ache que eles estarão aos montes, a dica é ir durante a semana e cedinho. Essa dica é pra você também curtir a praia melhor, já que nos finais de semana fica super lotado e pode estragar a sua experiência. O que é engraçado que a areia da praia do Pepê parece diferente da sua vizinha, a praia da Barra (que é a mesma faixa de areia, mas tem nomes diferentes). Outra coisa que você vai gostar é que além de toda estrutura com quiosques e barracas, ela tem bem próximo dali a rua Olegário Maciel, lugar cheio de bares e restaurantes perfeitos para um “pós praia”, o pro do sol dali também é incrível, tá? Tá?

PRAIA DA PRAINHA

A Prainha como é mais comumente conhecida talvez seja uma cereja no bolo das praias do Rio. Ela é uma daquelas praias que fica isolada do centro urbano, só se chega de carro, ou a pé, mas é chão viu? É um reduto no meio da natureza, um escape pra confusão do dia a dia, já era antes da pandemia, depois deve se tornar mais especial. Só tem dois quiosques e os ambulantes são quase zero, sua faixa de areia também é pequena e muito frequentada por surfistas. Ah, no verão é comum ficar lotado, e se você tentar ir depois das 10:00 am é possível que você nem chegue perto, pois a via que da acesso é controlada exatamente pra evitar a degradação ambiental do local. Por ficar afastada do grande centro, sua água é considerada uma das mais limpas de todo o estado do Rio de Janeiro. A Prainha além de maravilhosa, extremamente limpa conta com um Parque Municipal que tem toda a infraestrutura para você trocar de roupa, tomar banho e voltar para casa sem sal no corpo, até porque incomoda aquela areia no pé. É por esses motivos que é a única praia no Rio a ganhar o selo azul, um dos rótulos ecológicos mais reconhecidos no mundo todo. Já ta se imaginando lá, né? Eu também, que saudades. Sério, vai cedo!

PRAIA DE IPANEMA

A queridinha da Zona Sul, não, não é Copacabana. A praia de Ipanema começou a ter mais popularidade no final da década de 70 e ganhou o mundo anos mais tarde. Apesar da sua vizinha, Copacabana, ser mais visitada e ter reconhecimento mundial, os turistas são em sua maioria estrangeiros e não aproveitam a praia. A galera acaba correndo pra Ipanema para curtir o tempo a mais que a posição da praia oferece em relação ao sol, bater papo com os amigos, jogar a famosa altinha, tomar o melhor mate leão do mundo e de quebra ver o que esta em alta na moda entre os jovens e adultos. A praia é movimentada o dia todo, mesmo durante a semana é difícil você encontrar ela vazia. Além de ter centenas de pessoas fazendo exercícios, tem uma galera pegando sol antes de ir para o trabalho. Com tudo jogando ao seu favor a praia de Ipanema ainda conta com um bairro do mesmo nome, que se bater aquela fome você pode correr para um dos bares próximos tomar um açaí daquele e voltar para um último mergulho. A Praia de Ipanema esta entre a Praia do Arpoador e a Praia do Leblon, você pode dar uma voltinha pelas outras, mas quase certeza que seu coração vai ficar ali pelo “Coqueirão” ou “Posto 9”, os dois points mais famosos e super disputados. Ipanema é estilo de vida obrigatório, mesmo que por um dia para quem vem visitar o Rio de Janeiro.

PRAIA DO MEIO

Sabe aquela praia que você nunca ouviu falar, mas considera pacas? A Praia do Meio é bem nesse estilo. VAZIA! Em caixa alta mesmo pra chamar sua atenção. Nos finais de semana do alto verão, solzão bombando na casa dos 45° graus, você não vai encontrar mais de vinte pessoas em toda a sua extensão. É isso, quase ninguém em uma praia relativamente grande e com um verde da Mata Atlântica quase intocada. A praia faz parte do Parque Nacional da Pedra Branca e tem todos os seus direitos reservados e protegidos por lei, ou seja, não se pode ter nem quiosque por lá, assim a gente espera que fique pra sempre né? Ah, mas preciso contar um detalhe, básico, bem básico a vocês. Tudo que é exclusivo, ou é caro ou não é fácil de encontrar e chegar. A Praia do Meio tem essa característica simples, para chegar lá só existe três formas, de barco no qual não recomendo pois pode ter um dia de mar agitado e você não vai ter como atracar, ou por duas trilhas diferentes, uma difícil e a outra moderada, mas ambas bem cansativas. Uma demora por volta de 1h30 e a outra, mais moderada por volta de 45min. Tem que ter um mínimo de preparo físico e querer muito uma praia isoladíssima! Mas vale cada gotinha de suor e aquele sanduíche que você preparou a mais para comer na trilha. Viu que falei em trilha né? Sim, é preciso fazer trilha, ok? Mas garanto que a Praia do Meio vai ser uma daquelas que você vai querer voltar, e mesmo que não leve uma câmera para fotografar, vai lembrar para o resto da sua vida.

Para finalizar, vocês podem não ter reparado, mas eu não falei sobre como é o mar de cada praia, correto? Queria separar esse pequeno texto para explicar a vocês, uma coisa.

O mar do Rio de Janeiro como um todo tem um fluxo de corrente gelada constante, então é provável que você pegue um mar mais frio, mas nada congelante, tem épocas como, Janeiro, Fevereiro e Março que o mar é bem geladinho, e para o meio do ano a água é mais quente. Em contrapartida temos o verão no início do ano e o inverno nos meses de Junho a Agosto. Também é importante lembrar que muitas dessas praias eu mencioneis surfistas, é que o mar de lá tem esse jeitinho de nos deixar pé da vida, o tempo tá maravilhoso, aquele calorão, mas o mar não ajuda e só dá pra ir à beirinha mesmo. Ó, mas não é sempre não, ok?

É isso, as praias do Rio de Janeiro têm suas características especiais, lindas, apaixonantes e são Cariocas, desculpe aí mundão. Mas assim que isso tudo passar e vai passar, eu vou tomar meu banho de mar !

You may also like

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More